O que é Pilates e quando surgiu a técnica?

Pilates é método de exercícios físicos, criado pelo enfermeiro alemão Joseph Hubertus Pilates, durante a primeira guerra mundial (1914 – 1918). A técnica era utilizada para reabilitar feridos em combate. Após isso, Pilates se mudou para Nova York, nos Estados Unidos, onde passou a propagar o método. Pilates é tratamento para coluna. Além disso, é indicado para outros problemas musculoesqueléticos e prevenção de osteoporose.

Quais os princípios do Pilates?

O método tem como principal objetivo unir corpo e mente. Dessa forma, são fundamentos principais do Pilates:

  • Concentração – para garantir que o movimento seja desenvolvido com maior eficácia possível;
  • Controle  – do movimento que visa padrão suave e harmônico, evitando contrações musculares desnecessárias;
  • Precisão – para controle do equilíbrio dos diferentes músculos;
  • Centro – fortalecimento da musculatura para estabilização do tronco com menor gasto energético;
  • Respiração – primordial no início do movimento, deve estar sincronizada com a realização dos movimentos;
  • Fluidez – para que não haja impacto nos exercícios.
Paciente realizando aula de Pilates para coluna em aparelhos. Tratamento de problemas de coluna com Pilates.

Exercício para fortalecimento muscular, mobilidade da coluna vertebral e alongamento dos músculos da cadeia posterior.

 

Paciente realizando aula de Pilates para coluna em aparelhos. Tratamento de problemas de coluna com Pilates.

Alongamento da cadeia lateral do tronco.

 

Paciente realizando aula de Pilates para coluna em aparelhos. Tratamento de problemas de coluna com Pilates.

Fortalecimento dos músculos paravertebrais, mobilidade da coluna vertebral em extensão e alongamento da cadeia anterior do tronco.

Veja também:

Tratamento conservador das lombalgias

Fisioterapia aquática para coluna vertebral

Dor lombar: entenda tudo sobre o problema

Qual profissional pode ser instrutor de Pilates?

No Brasil, são habilitados para dar aula de Pilates, Educadores Físicos e Fisioterapeutas. A regra vale tanto para o Studio Pilates (com equipamentos), quanto para Pilates Solo.

Quais benefícios do Pilates?

Alguns benefícios são descritos com método Pilates, como:

  • Aumento da Flexibilidade;
  • Melhora postural;
  • Melhora do tônus muscular e da coordenação motora;
  • Auxílio na prevenção de osteoporose;
  • Melhora da Consciência Corporal.

O que a literatura científica comprova sobre o método Pilates?

Alguns estudos avaliaram a eficácia do Método Pilates para diferentes finalidades. Assim, destacam-se o estudo sobre melhora da densidade mineral óssea pelo uso do método e sobre  tratamento da lombalgia crônica (dor lombar).

Todas as pessoas podem fazer Pilates? Quais as indicações mais comuns?

Sim. É possível adaptar exercícios de Pilates para todas as idades, inclusive crianças e idosos. Portanto, indivíduos sedentários e atletas podem realizar, respeitando-se diferenças individuais e princípios da técnica.

Quais diferenças entre Pilates clínico e Pilates comum?

Pilates clínico possui indicação terapêutica e é provido de conceitos fisioterápicos, motivo pelo qual deve ser conduzido por fisioterapeutas. Frequentemente o tratamento é feito em conjunto com médico especialista em coluna. As sessões do Pilates clínicos, ao contrário do Pilates comum, são individuais e direcionadas para demandas específicas de cada pacientes. As aulas de Pilates comum podem ser realizadas em pequenos grupos de alunos.

Os exercícios são iguais para todas as pessoas?

Não. Os exercícios são personalizados para cada indivíduo, de acordo com suas necessidades. Isso aumenta a efetividade do método.

Paciente realizando aula de Pilates para coluna com bola. Tratamento de problema de coluna com Pilates.

Exercícios de Pilates com bola para fortalecimento da cadeia muscular posterior.

Estou em crise de dor na coluna, posso fazer Pilates?

Não. Idealmente, deve-se aguardar melhora da crise álgica para iniciar Pilates. Esse raciocínio equivale a evitar treino de ginástica em academia durante crise de dor nas costas.

Fiz cirurgia recente na coluna. Posso fazer Pilates?

Sim. Nesse cenário, recomenda-se Pilates Clínico com fisioterapeuta, direcionado para a reabilitação da coluna.

 

 

Autora: Juliana Bezerra – Fisioterapeuta

Fisioterapeuta graduada pela Universidade Santa Cecilia- Santos/SP.

Formação Completa no Método Pilates pela Metacorpus de SP.

Especialista em Fisioterapia nas afecções da coluna vertebral pela FMSCSP.

Formação completa em Osteopatia pelo Instituto Docusse de Osteopatia e Terapia Manual- IDOT.

 

 

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.